Dicas

Translate

20 de maio de 2019

Doctor Pheabes ouça novo álbum "Army Of The Sun"

Foto: Divulgação

Com dois discos e um punhado de apresentações memoráveis, do Rock in Rio ao Lollapalooza, da abertura do Guns N' Roses à dos Rolling Stones, pode parecer que a Doctor Pheabes não teria para onde ascender. No entanto, o terceiro disco do quarteto paulistano chega para provar o contrário, com uma história de evolução, amizade e uma pontada de tristeza, já que um dos grandes responsáveis pelo projeto, o produtor norte-americano Kato Khandwala morreu no primeiro semestre de 2018. 

A Doctor Pheabes acaba de lançar o novo álbum "Army of the Sun", que não traz apenas novas composições, mas uma roupagem nova para o som de Eduardo Parrillo (vocal), Fernando Parrillo (guitarra), Fabio Ressio (baixo) e Paulo Ressio (bateria). O quarteto, que começou a tocar junto na adolescência, mostra no novo trabalho todo o crescimento que foi proporcionado por trabalhar com Kato, um engenheiro de som e produtor experiente da cena de Los Angeles e Bruno Agra brasileiro também produtor radicado nos Estados Unidos. 

Ouça - Army of the sun: encurtador.com.br/kvQY2 - disponível em todas as plataformas digitais. 

Assim, "Army of the Sun" chega com um som mais moderno e acessível, um toque americanizado, e a certeza de entregar algumas das melhores canções do grupo. O lançamento traz os três singles disponibilizados em ações promocionais da banda para divulgação prévia do trabalho. 

As músicas Better Off Alone, Your Love is Mine e Rebel Riders são parte importante deste projeto e as músicas com melhor repercussão além da faixa Army Of The Sun que representa a composição geral do disco. Há ainda a participação do amigo de longa data Supla, com quem fizeram parceria no Rock in Rio de 2017, em Let's Go. 

A produção deste terceiro álbum foi especial para a Doctor Pheabes. Cresceu da amizade com Kato, norte-americano, com um currículo invejável, trabalhou com nomes de ponta da cena norte-americana: foi engenheiro de áudio de Papa Roach, Breaking Benjamin, Paramorer e My Chemical Romance, por exemplo, e produziu discos como "Panic of Girls", do Blondie, "Going To Hell" e "Who You Selling For", da sensação The Pretty Reckless e o disco autointitulado do Pop Evil. 

Depois de uma parceria com a banda Armored Dawn, do vocalista da Doctor Pheabes, Eduardo, ele foi apresentado ao quarteto de heavy rock e gostou do que viu em um ensaio - no qual até fez uma jam com a banda. Ficou combinado que ele assumiria o comando do terceiro álbum, e que o faria presencialmente, no Brasil. 

A jornada de composição e gravação, com um convívio próximo entre Bruno e Kato e a banda trouxe um laço forte de amizade, assim como um aprendizado único para o quarteto. "Ele foi um cara muito legal, paciente, inteligente. Ficamos meses com ele, então foi um relacionamento de amigos mesmo. Na gravação, foi um processo diferente do que estávamos acostumados, a ponto de passar cinco horas gravando uma música", relembra Eduardo. 

"Nós crescemos muito como músicos e compositores, ter um cara que está em Los Angeles fazendo rock and roll a vida inteira... o aprendizado foi gigantesco, todo músico deveria passar por isso", comemora Fernando, principalmente quanto ao profissionalismo e à confiança na nova sonoridade da banda. 

Infelizmente, Kato se envolveu em um acidente de moto e não resistiu aos ferimentos, falecendo em abril de 2018, quando ainda tinha muitos projetos a realizar, inclusive a organização de uma turnê norte-americana com a Doctor Pheabes. 

Além do álbum lançado oficialmente durante um evento privado no último dia 16 na Audio, este ano promete ser cheio de atividades para a banda, com a expectativa de turnê pelo Brasil, transmissões especiais pela internet e a gravação de um DVD. 


Acompanhe as redes sociais do grupo para novas informações: 


Agradecimento: Damaris Hoffman - Hoffman & O'Brian

Nenhum comentário:

Postar um comentário