Dicas

Translate

6 de dezembro de 2019

20º Feira de Santa Tereza com Endigna, Liférika e muito mais

Foto: Reprodução


A 20ª edição da Feira de Artes de Santa Tereza trata-se de um evento de médio porte, com aproximadamente 100 mil participantes que, durante 3 dias, ocupam as ruas do Bairro de Santa Tereza, para fruírem de espetáculos musicais, de teatro, dança, literatura, cultura popular, artes plásticas, culinária tradicional e artesanato.

A Feira de Artes é composta por um conjunto de ações atividades que ocorrem de maneira simultânea em diversos espaços. As ações e atividades previstas são:

No dia 13, a abertura do evento contemplará a expressão literatura, na forma de Sarau, com a apresentação de poesias, além da distribuição de livros. No dia 15, domingo, os 10  palcos serão destinados às expressões música, dança e literatura. Na música estarão representados os estilos forró, hip-hop, samba, sertanejo, MPB, reggae, rock, brega e gospel. No segmento de expressão corporal serão apresentadas capoeira, dança do ventre e dança contemporânea. A literatura será representada pelo gênero poesia (estilos clássico e moderno) e literatura de cordel.

Palestras, Debates e Oficinas
A sede da entidade será utilizada para as apresentações artísticas dos dias 13 e 14. Além disso, o espaço servirá para palestras e debates que acontecerão apenas no dia 14. As 10 tendas serão utilizadas apenas no dia 15 e estarão reservadas para atividades como oficinas, dança, lazer, recreação infantil, barracas das escolinhas e tenda de circo.

Danças Populares, Fanfarras e Circo
No dia 15, domingo, haverá apresentação de 10 (dez) grupos de danças populares e de artes cênicas, na forma de cortejo, nas ruas destinadas ao evento. Os grupos se apresentarão com maracatu, reisado, maculelê, congada, bumba-meu-boi, dança do coco, fanfarras escolares e cortejo circense.

Artes Plásticas, Artesanato e Gastronomia
Também no dia 15, as ruas serão destinadas aos expositores, reunindo entidades parceiras (para divulgação de suas atividades) e expressões como escultura (madeira, gesso, terracota, cerâmica e outros materiais), pintura (inclusive grafite), desenho, gravura, artesanato e gastronomia (comidas típicas e bebidas).

Teatro, Cinema, Vídeo
Na sede da entidade haverá, no dia 14, apresentações de teatro, cinema e vídeo (mostras de filmes e documentários), além de workshops de diversas linguagens artísticas.

Esta Feira é um dos mais tradicionais eventos de cultura do Estado de São Paulo e tem como grande diferencial, o fato de ocorrer em região periférica de grandes municípios. A Feira de Artes teve início em 2000 e vem ocorrendo todos os anos desde então. Também é chamada de VIRADA CULTURAL DE EMBU DAS ARTES.
A Feira de Artes de Santa Tereza talvez seja um dos exemplos mais emblemáticos, no estado de São Paulo, sobre o potencial que a cultura tem em gerar capital social, aumentar a autoestima de cidadãos em situação de marginalização e gerar dinamismo econômico. Também aponta para o poder da cultura na transformação urbana e na própria forma com que o poder público local interage com uma determinada localidade.
A Feira impacta profundamente o desenvolvimento da região, fomentando o estabelecimento de novos pontos comerciais e de diversos empreendimentos econômicos. Isso ocorre porque a Feira cria um dinamismo que contribui para a transformação da forma de perceber o bairro. Se antes o bairro do Jardim  Santa Tereza era apenas um bairro “dormitório”, com todas as atividades econômicas e culturais ocorrendo em outras partes da cidade e nas cidades vizinhas, com a Feira de Artes Santa Tereza o bairro passa a receber visitantes, mostrando para os próprios moradores que o bairro em que vivem pode ter sim sua autonomia e identidade econômica e cultural.
Por isso a Feira de Artes de Santa Tereza se constitui, ao longo do tempo, numa metodologia ou ainda uma tecnologia social que utiliza a expressão cultural, em suas mais diversas formas e linguagens, para a revitalização urbana e o fortalecimento do tecido social.


O palco rock é uma das atrações, que sem nenhuma ajuda governamental, vai contar com 8 bandas tendo 10 horas de show gratuito.

Com as bandas:

Endigna
Ossos Cruzados
LP Rock
Liférika
Fogo Corredor
Horizonte Cinza
Nevoa Hard
Guerras

Com som autoral, essas bandas prometem tornar o dia 15/12 memorável !


Agradecimento: Kelly Albuquerque

Nenhum comentário:

Postar um comentário